Irmãos.


Não sei quanto a você, mas eu tenho irmãos. Biologicamente falando, é só um. Virtualmente eu tenho uma irmã e uma pseudo-irmã. Fora isso eu não considero mais pessoas como irmãos não. Melhores amigos sim. Irmãos não.

Meu irmão de sangue, é um idiota. Todo e qualquer irmão de sangue É idiota. Se não é já foi e se não foi, AINDA vai ser. Não estou falando isso por falta de experiência, já que todos os irmãos que eu conheço agem dessa forma. Uns mais agravantes, como o meu, outros mais passiveis, sendo facilmente manipulados... Entreoutrascoisas.

Mas a meu ver, todo irmão se obriga a gostar, o mínimo que for, da pessoa que é, querendo ou não, filho dos seus pais, ou só do pai, ou só da mãe. Ele rouba a atenção deles? Rouba. Principalmente se for mais novo.

Eles não tem certa noção. Serio. Ficam lá tentando chamar a atenção de todo mundo só pra eles. Um karma horrível, devo dizer. Por acaso, você fica puta quando ele começa a tagarelar insuportavelmente no seu lado, agindo feito um[a] panaca com sons inteligíveis e danças exóticas?

Pois eu fico.

Sinceramente, canso de mandá-lo calar a boca e/ou catar coquinho na esquina, mas infelizmente ele nunca me ouve. Suborno não adianta, eu já tentei. Os vagabundos, sanguessugas que são, vão, com um prazer oculto, sugar toda a SUA VIDA se você começar a comprar seu silencio. Tudo bem que meia hora de paz e sossego valem a pena... Mas nunca, JAMAIS, 100 reais.

Imagina quantos Milk’s Shakes do Bob’s posso comprar com 100 reais? Meu mais novo vicio, adk.

Não, não paguei 100reais. Nem vou pagar, se querem saber. Mas gosto de pensar que ele fica quietinho lá na dele, feito um totó bem treinadinho quando eu falo que vamos ao cinema, ou coisa parecida.

O ruim de ter irmãos, é que eles se tornam seus inimigos DECLARADOS num campo de batalha invisível em busca de uma atenção a mais... ou roupas novas. Basta você fazer a jogada certa para aniquilá-lo, ou, se juntar a ele[quando nota que seus argumentos não são mais aceitos pelos machos alfas da matilha]. Como meu ego é maior do que minha inteligência, e minha mania de perseguição é muito mais elevada do que meu senso pratico, acabo sendo alvo de certos ataques do irmão mais novo.

Que acaba sempre ganhando roupas e atenção.

Atire a primeira pedra, quem nunca pensou em matar o irmão.

Ok, isso foi meio pesado. Mas que tal essa: Atire a primeira pedra, quem nunca quis dar um beliscão bem doído no idiota só por causa de uma besteira que ele disse/fez.

Então não me julguem quando eu digo: tem vezes que meu irmão é tão imbecil que tenho vontade de bater a cabeça dele na parede bem forte. Tudo bem que eu o amo. Muito mais do que deveria, e pra mim o idiota pode ter um futuro bom. Mas certas picuinhas fodem.

Ta certo que quando eu fico doente ele é mó prestativo. E tudo bem que ter irmãos mais novos tem lá suas vantagens. Não descobri ainda quais são, mas até os cem anos tenho tempo.

Moral da historia: De graças ao deus que você venera, por não ter um irmão siamês grudado 24horas em você.

Por esse ângulo, ter um irmão mais novo até parece o céu. Imagina que trevas ter um irmão chato pracaralho no seu lado, azucrinando sua vida pra sempre?

Uó.

Ok, vimos a tristeza de ter um irmão de sangue lhe azucrinando, não é? E provavelmente as pessoas que estão lendo aqui, podem ter o azarsorte de não ter um irmão mais novo, ou até, quem sabe, só ter irmãos mais velhos, e acha-los como eu, uns inúteis ou coisa-que-o-valha.

Para isso existe os chamados amigos-irmãos.

Como eu disse lá em cima, eu tenho uma irmã virtual. Ela é legal. Cabeça chata. Teimosa. Corre pra atravessar a estrada pra ganhar impulso e conseguir subir no meio fio. As vezes é uma puta duma inconveniente e me xinga sem dó.

Mas qual irmão não age como ela?

Pelo menos eu vejo lado positivo com essa relação fraternal. Amo a forma da pigméia notar quando eu to bem ou mal só com um oi. Nem meu irmão real nota isso. Gosto quando ela me faz companhia quando to triste, e me deixa quando eu quero. Admiro a forma pratica dela ver as situações.

E quando diz: Fodeu.

Seu fodeu é único. Por que quando fode, fode. Saca? Não tem mais volta e fodeu-se tudo. Já era.

Me facinha como ela compreende o motivo de alguma tristeza... E o fato de não conseguir mentir pra ela.

É estranho também, a forma protetora dela agir, mandando a merda quem me faz mal e odiando pra sempre certas pessoas por minha causa.

Embora saiba que faço a mesma coisa por ela.

Gosto do jeito doce dela dizer que me ama “Forever And Ever.”. De fazer ela rir quando ninguém mais consegue. Dela me fazer rir quando ninguém mais consegue.

Tudo isso conta, é claro, pra pseudo-irmã.

Que pode não ser tão antiga quanto a minha irmã, mas tem seu espacinho reservado.

Então, se você não tem um irmão descente, adote um irmão. Um que lhe entenda, que te xingue, que te faça ver o lado coca-cola da vida[merchan?Q], que te dê motivos bons para viver.

Um irmão para os momentos tristes e pros felizes.

Aquele chato que vai fazer piadinha no seu casamento. E chorar de alegria quando você ficar grávida/for pai.

Aquele que te de conselhos para você quebrar a cara, mas vai estar lá esperando pra curar suas feridas.

Mais do que seu amigo. Seu irmão.

Você meu amigo de fé meu irmão camarada, amigo de tantos caminhos
de tantas jornadas
Cabeça de homem mas o coração de menino, aquele que está do meu lado
em qualquer caminhada
Me lembro de todas as lutas meu bom companheiro, você tantas vezes provou
que é um grande guerreiro
O seu coração é uma casa de portas abertas, amigo você é o
mais certo das horas incertas
As vezes em certos momentos difíceis da vida, em que precisamos
de alguém para ajudar na saída
A sua palavra de força de fé e de carinho, me dá a certeza de que eu nunca
estive sozinho
Você meu amigo de fé meu irmão camarada, sorriso e abraço festivo da minha chegada
Você que me diz as verdades com frases abertas, amigo você é omais
certo das horas incertas
Não preciso nem dizer, tudo isso que eu lhe digo, mas é muito bom saber,
que você é meu amigo
Não preciso nem dizer, tudo isso que eu lhe digo, mas é muito bom saber
que eu tenho um grande amigo


PS: Viva Roberto Carlos.

Bejokas,
Daisy.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • Twitter
  • RSS

1 Response to "Irmãos."

  1. ♱CelasVic†oria♱ says:
    15 de outubro de 2009 11:23

    Sou filha unica, mas já meio que "senti na pele" como é ruim ter um irmão de sangue (idiota do meu cunhado ¬¬ , e tadinho do meu amor ;-;), e com certeza o pseudo-irmão é bem mais fácil de se lidar e de te compreender, porque afinal a verdadeira família é aquela que o coração escolhe(é gay essa frase mas é a realidade!)

    ;**

Postar um comentário

Copyright 2009 Janela Conjunta
Free WordPress Themes designed by EZwpthemes
Converted by Theme Craft
Powered by Blogger Templates